Em homenagem ao trabalho social exercido nas comunidades, o compromisso com a educação e a orientação na vida de jovens campinenses a Câmara Municipal de Campina Grande realizou na noite dessa quinta-feira (14), através da propositura do ex-vereador Orlandino Farias e com a entrega solicitada pelo vereador Álvaro Farias, um sessão solene para concessão do Título de Cidadão Campinense ao professor Vicente Celestino de França.

 

No Plenário da Casa o propositor, Orlandino Farias, destacou as iniciativas realizadas pelo homenageado com a população a partir de projetos socioeducativos e de evangelização, justificando sua proposta. “Resolvi solicitar esse título quando vi de perto o trabalho solidário que Vicente fazia nas comunidades carentes. É um prazer tê-lo como mais um irmão campinense”, disse.

 

O parlamentar Álvaro Farias também explicou a necessidade de resgatar a homenagem concedida na legislatura passada pelo ex-vereador Orlandino, ressaltando as concretizações de vários projetos idealizados pelo professor em favor do povo e da caridade. “Esse foi um dos poucos títulos entregues por Orlandino, mas um dos mais brilhantes já concedidos em todos os seus mandatos. Agradeço ao professor Celestino por honrar a nossa cidade e todos os seus cidadãos sendo mais um filho dessa terra”, expressou.

 

Pernambucano, nascido em Timbaúba no dia 10 de outubro de 1965, Vicente dedicou sua vida a fazer o bem pelo próximo nas Paróquias que fez parte, além de fundar o Grupo de Apoio à Vida (GAV) e da ONG Cultura de Paz. É dono de um histórico considerável de serviços prestados aos campinenses, principalmente com o trabalho educacional, religioso e de generosidade.

 

“Digo que já sou campinense por uma ordem divina, pois Deus me trouxe para cá, e essa homenagem confirmou isso. Meu muito obrigado a todos os paroquianos, parceiros e amigos nessa caminhada em favor da vida e dos esquecidos pela sociedade, Foi um presente de Deus o nosso trabalho e esses anos que passamos juntos”, agradeceu o homenageado.

 

Dirp/CMCG

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em 70 dias de medidas preventiva, 265 empresas são notificadas em JP

Setenta dias depois do início das medidas preventivas de combate ao Coronavírus na Capital, a fiscalização da Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) visitou 542 empresas, autuou…

Covid-19: PB registra 18,5 mil casos; JP, CG e Cabedelo somam 8.744 infectados

João Pessoa, Campina Grande e Cabedelo se apresentam como as cidades com o maior número de contaminados pelo novo coronavírus (Covid-19) na Paraíba. Os dados são da Secretaria de Estado…