Em um jogo de início eletrizante e fim de pressão para o torcedor que estava no Almeidão, o Botafogo-PB venceu o Imperatriz-MA por 2 a 1 e voltou para a liderança do Grupo A da Copa do Nordeste. Caso o ABC-RN não vença o Vitória amanhã, o resultado classifica o Belo antecipadamente para o mata-mata do torneio regional.

Em um lance de bola parada, o Botafogo-PB mostrou que não estava para brincadeira. Logo aos 2 minutos, Cássio Gabriel cobrou escanteio da esquerda e, após desvio no primeiro pau, Mário apareceu na segunda trave para escorar e marcar o primeiro do Belo.

No minuto seguinte, em um lance bobo, pênalti para o Imperatriz. Cesinha invadiu a área e foi atropelado por Mário. Na cobrança, o próprio Cesinha mandou no canto esquerdo e Felipe, na sua estreia, defendeu a batida.

O jogo era insano e, aos 8 minutos, Cássio Gabriel foi derrubado na área e o árbitro assinalou a marca da cal. Na cobrança do pênalti, Rodrigo Andrade bateu firme no canto esquerdo do arqueiro maranhense e fez o segundo gol botafoguense no jogo.

Com a vantagem de 2 a 0, o Botafogo-PB passou a cadenciar o jogo e administrar o resultado, deixando o adversário com a bola e tentando encaixar algum contra-ataque com a velocidade de Dico e Cássio Gabriel.

Mas o Belo provou de seu próprio veneno aos 31 minutos. Após cobrança de escanteio de Madson pela direita, Renan Dutra subiu livre e cabeceou sem chances para Felipe e diminuiu o placar.

No último lance antes do intervalo, Rodrigo Andrade cobrou falta da direita na cabeça de Everton Heleno, que não acertou firme a bola, que saiu pela linha de fundo.

Segundo tempo

Na volta para a segunda etapa, assim como na primeira, o Botafogo-PB foi para a frente. Logo aos 2 minutos, Cássio Gabriel enfiou a bola para Rodrigo Andrade, que bateu de canhota na saída do goleiro, mas a bola bateu na trave. Na sobra, o camisa 10 tentou empurrar de cabeça opara o gol, mas a defesa afastou o perigo.

O ritmo do jogo era mais lento e as bolas paradas eram de onde saíam as oportunidades de ataque. Aos 17, Cássio Gabriel cobrou falta da meia esquerda e mandou a direita da meta de Waldson. Dois minutos mais tarde, Cássio Gabriel cobrou escanteio da direita, Fred desviou de cabeça e, por pouco, Mário não chegou para completar.

Na sequência, a melhor chance do segundo tempo. Pimentinha recebeu na direita, invadiu a área livre e, na saída do goleiro, nem chutou nem cruzou, e o arqueiro maranhense defendeu com o peito. Lucas Simón, sozinho no meio da área, ficou na bronca com o baixinho.

Em sua primeira estocada após o intervalo, o Imperatriz contou com a ajuda da zaga botafoguense para quase empatar. Aos 26, Lorran cruzou da esquerda, Marcelo Xavier tentou cortar e a bola por muito pouco não entrou no canto esquerdo de Felipe.

A torcida botafoguense estava na bronca com o recuo do time e a atuação, que caiu bastante. E quase teve mais motivos para se irritar porque aos 41, após cruzamento da esquerda, Matheus João cabeceou livre, com muito perigo, quase empatando a peleja.

Com a vitória no sufoco, o Botafogo-PB voltou para a liderança do Grupo A, com 12 pontos e muito próximo da classificação antecipada. No próximo sábado (14), o Belo visita o Santa Cruz, em Recife. No meio da semana a equipe da Maravilha do Contorno joga pelo estadual, em casa, contra o Sousa, na quarta-feira (12). O Imperatriz segue com 7 pontos, na quinta posição do Grupo B. Os maranhenses voltam a campo no Nordestão no sábado (14), quando vai receber o ABC-RN.

 

Fonte: A voz da Torcida

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Supermercado terá que indenizar cliente que teve carro furtado em estacionamento

Um supermercardo localizado no bairro da Torre, em João Pessoa, foi condenado a pagar a importância de R$ 3.000,00, a título de danos morais, em virtude do furto ocorrido dentro…

Em 10 dias, Baía da Traição registra aumento de 50% nos casos de Covid-19

Em apenas 10 dias, o município de Baía da Traição registrou aumento de mais de 100 pessoas contaminadas pelo novo coronavírus (covid-19). O município do Litoral Norte paraibano possui 301…