Uma mulher teve o bebê levado pelo Conselho Tutelar em Campina Grande, na noite do domingo (14), e registrou um boletim de ocorrência como sequestro da criança. De acordo com o Conselho Tutelar, vizinhos denunciaram que a mulher havia saído de casa e que o bebê de um mês estava sozinho chorando na residência, e que essa não era a primeira vez que a criança era deixada pela mãe no local.

O caso aconteceu no bairro Bodocongó. Segundo o boletim de ocorrência feito pela mãe da criança, ela afirma que deixou o bebê sozinho por cerca de 10 minutos para ir na casa de uma vizinha buscar a outra filha de 10 anos. Ao voltar, a mulher encontrou um homem saindo do local com o filho dela nos braços.

A mãe relatou à polícia que gritou e tentou alcançar o suspeito, mas que o homem teria fugido do local em uma moto. Uma testemunha disse que o homem informou ser funcionário do Conselho Tutelar e que estava levando a criança após as denúncias contra a mãe.

Em depoimento o funcionário do Conselho Tutelar, Joseflavio Barbosa, disse que era por volta das 0h quando ele chegou ao local em uma moto e percebeu que a casa estava aberta.

O bebê foi encontrado chorando sozinho em uma cadeira da sala da residência. Após isso, o funcionário levou a criança para uma casa vizinha, onde um carro do Conselho teria ido buscá-los. A moto teria sido levada por outra pessoa.

Joseflavio Barbosa disse ainda que após acolher a criança, o Conselho Tutelar informou à Central de Polícia Civil sobre o caso. O funcionário disse que o bebê permanece em um abrigo da cidade, mas que a criança vai ser devolvida à mãe ainda nesta segunda e que a mulher será advertida pelo caso.

Imagem Ilustrativa

G1

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Estudantes poderão entrar em contato com o MEC por meio de novos canais de interação

Chats, redes sociais e sistemas automatizados serão implementados, a partir de 2020, pelo Ministério da Educação (MEC) para ampliar os seus canais de interação com os estudantes do Brasil. Para…

Terceira Turma do TRF5 concede habeas corpus a vereador Renan Maracajá

A Terceira Turma do TRF5 concedeu, por maioria, o pedido de habeas corpus do vereador Renan Maracajá em sessão realizada na manhã desta quinta-feira (19). De acordo com o órgão colegiado,…