Por conta especialmente do pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 pelo governo federal, algumas agências bancárias têm registrado um aumento do movimento de correntistas que estão indo às agências sacar o valor.

Com isso, o Sindicato dos Bancários da Paraíba reivindicou para a Secretaria de Estado da Segurança que as forças policiais ofereçam suporte e apoio reforçado no disciplinamento das filas para evitar aglomerações que possam provocar o contágio.

Os bancos inclusive podem até ser multados caso não consigam evitar aglomerações de clientes nos dias de pagamentos.

A categoria também enviou para a Secretária de Saúde a solicitação de vacinas contra H1N1 para os bancários que estão em atendimento.

De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança as forças policiais já vêm trabalhando no sentido de evitar aglomerações e cumprir o decreto do governador em todos os lugares, não apenas em lotéricas e agências bancárias.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Detran-PB amplia serviços de atendimento aos usuários por agendamento

A partir desta quinta-feira (28), o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB) retoma parte dos serviços que estavam suspensos em razão de decreto governamental, por conta da pandemia do novo coronavírus.…

Covid-19: PB bate recorde e registra quase 1.300 novos casos em 24h

A Paraíba bateu um novo recorde nesta quarta-feira (27) ao registrar 1.290 novos casos em apenas 24h. De acordo com boletim epidemiológico do Governo do Estado, emitido através da Secretaria…