Por pbagora.com.br

Na reestreia de Fábio Júnior com a camisa do Campinense, o rubro-negro visitou o Atlético de Cajazeiras, no Perpetão, neste domingo (09), e perdeu sua invencibilidade no Campeonato Paraibano. O Trovão Azul, líder do Grupo A e ainda invicto, fez 1 a 0 com gol marcado por Paulinho.

Com o “Cantor” em campo, Oliveira Canindé viu seu time produzir muito pouco na primeira etapa, apenas com uma chance defendida por Ariel, que o lateral-direito Allefe acabou desperdiçando. Por sua vez, os donos da casa ficavam mais no campo de ataque, mas também com rara criatividade. Ederson Araújo trocou Edgar por Paulinho ainda no primeiro tempo para melhorar o desempenho ofensivo.

No segundo tempo, foi justamente Paulinho que resolveu o jogo. Aos 15 minutos, após pressão atleticana, Éder Paulista cruzou da direita e o atacante, entre os zagueiros raposeiros, chutou de primeira para estufar a rede e fazer a festa da torcida do Atlético de Cajazeiras presente Perpetão.

O Trovão Azul chegou aos 10 pontos, e segue na liderança isolada do Grupo A, com um ponto a mais que o Treze e quatro acima do Botafogo-PB, que só jogou duas vezes. Além disso, o time ainda não perdeu no Paraibano. No domingo (16), o Atlético de Cajazeiras faz o Clássico do Sertão, contra o Sousa, no Perpetão.

Mesmo com sua primeira derrota, o Campinense segue com 6 pontos em três partidas, na liderança do Grupo B, com a mesma pontuação do Sousa, que tem o mesmo número de jogos. No domingo (16), a Raposa disputa o Clássico dos Maiorais, contra o Treze, no Amigão.

 

Fonte: Equipe Voz da Torcida

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Preso em SP acusado de espancar esposa grávida até a morte na PB

O homem suspeito de matar a mulher grávida na cidade de Poço José de Moura, Sertão da Paraíba, foi preso nessa sexta-feira (4), no município de Rio Grande da Serra,…

Covid: em quatro dias, taxa de ocupação de leitos no Sertão cresce 22% e chega a 90%

Entre os dias 1º e 4 de dezembro, a taxa de ocupação de leitos destinados a pacientes com covid-19 saiu de 98% para 90%, segundo dados do boletim epidemiológico emitido…