Por pbagora.com.br

Um dos nomes, alvo de conversa entre Daniel Gomes e Gilberto Carneiro para negociar dinheiro com conselheiros do Tribunal de Contas para favorecer julgamentos do governo, da Saúde e da Cruz Vermelha no Tribunal de Contas, no âmbito das investigações da Operação Calvário, o advogado e assessor do TCE, Diogo Mariz teria tentado tirar a própria vida na noite dessa segunda-feira, 13, por meio de enforcamento, na sua casa, em Cabedelo.

Para socorrer o advogado foi acionada uma viatura de suporte avançado do Samu que o encaminhou para o Hospital da Unimed.

As informações dão conta de que Diogo está internado, e seu estado de saúde é considerado estável, estando consciente e orientado.

Diogo Mariz é advogado e filho do ex-conselheiro do TCE Zé Mariz e sobrinho do ex-governador Antônio Mariz. Homem de confiança do conselheiro do TCE Artur Cunha Lima.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Sindicalista fala da volta da retomada dos serviços dos Correios, após decisão do TST

Os trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos devem retornar da greve amanhã, no Estado, de acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos na Paraíba (Sintect…

Confira as linhas de ônibus que ganham reforço a partir hoje na capital

Começa nesta terça-feira (22), um reforço, em seis linhas de ônibus serão reforçadas com mais veículos nas ruas de João Pessoa. Os itinerários das linhas 301, 302, 517, 1500 e…