A Frente Parlamentar em Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), sob a presidência do deputado estadual Wilson Filho (PTB), realiza nesta quarta-feira (6), às 15h, audiência pública com representantes de instituições financeiras e órgãos que atuam na proteção dos direitos dos consumidores para discutir o problema da lotação em bancos e casas lotéricas neste período de pandemia de Covid-19. Seguindo as recomendações das autoridades de saúde, a reunião ocorrerá por meio de videoconferência.

“Iremos debater soluções para evitar a aglomeração de pessoas nas agências bancárias para o saque de benefícios, salários e etc. Temos visto um cenário muito preocupante, com filas que fazem a volta no quarteirão na Caixa por conta do pagamento do auxílio emergencial, no Itaú, que é o banco que paga aposentadorias e auxílios do INSS, além de casas lotéricas, onde ocorre o saque do Bolsa Família e o pagamento de boletos. Nesses casos, não há o respeito ao distanciamento mínimo e o risco de contágio é enorme. Os bancos e o poder público precisam propor soluções para que as pessoas recebam o seu dinheiro, mas sem correrem o risco de contrair a doença e transmitirem para os seus familiares, principalmente os mais vulneráveis”, ponderou.

Já confirmaram presença na reunião o superintendente da Caixa na Paraíba, Marcos Borges; o superintendente de Governo da Caixa, Flavio Leal; além do secretário de Saúde da Paraíba, Drº Geraldo Medeiros, e representantes da Federação das Associações de Municípios da Paraiba (Famup), do MP-Procon, Procon-PB e Procon de Campina Grande.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“O que Moro falou que aconteceu ficou provado”, diz Julian Lemos

O deputado federal Julian Lemos (PSL), desafeto público do filho do presidente Bolsonaro, o vereador Carlos Bolsonaro, elogiou a entrevista de Sergio Moro exibida ontem, domingo (24) pelo Fantástico, durante…

Justiça manda Nilvan Ferreira retirar da internet conteúdo ofensivo contra Berg Lima

O juiz Antônio Rudimacy Firmino de Sousa, da 2ª Vara Mista de Bayeux, deferiu pedido de tutela antecipada nos autos da ação nº 0801118-64.2020.8.15.0751 para determinar que o radialista Nilvan…