Por pbagora.com.br

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino, aconselhou o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, que foi a Brasília para dialogar com o presidente Bolsonaro sobre a implantação do VLT na Rainha da Borborema, a cuidar de outras prioridades da cidade, já que o governador João Azevêdo garantiu a implantação do equipamento.

“Romero foi atrás do VLT e esta é uma obra já anunciada pelo Governo do Estado. Foi uma promessa de campanha do governador João Azêvedo e constou no seu plano de governo, através do pleito das lideranças políticas de Campina Grande aliadas do governador”, destacou Adriano.

O presidente do Poder Legislativo Estadual ainda aproveitou para sugerir ao prefeito de Campina Grande que aproveite essa verba que a Prefeitura de Campina Grande quer investir no VLT para melhorar setores do Executivo que passam por problemas.

“Já que o Governo do Estado está comprometido a implantar o VLT, o prefeito de Campina Grande poderia aproveitar esse dinheiro para investir em outros setores que são prioridades, como a saúde do município que tem denúncias de salários atrasados e precariadade dos serviços”, finalizou.

Na ocasião do encontro com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, na última segunda-feira, João Azevêdo confirmou para o dia 17 a assinatura de um termo entre o Governo da Paraíba, a concessionária e o Ministério visando a transferência para o Estado da faixa de domínio “para podermos trabalhar, de forma definitiva, o projeto de implantação do VLT de Campina Grande”.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PB: resgates de serpentes em julho dobra com relação a 2019

O Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb) resgatou 88 serpentes em julho deste ano, na Paraíba. O número representa mais que o dobro registrado no mesmo mês do ano passado, quando…

Eleições indiretas em Bayeux devem ser realizadas em 10 dias, determina Justiça

Mais uma vez as eleições indiretas na cidade de Bayeux voltam a ter mais um capítulo, mas o desta segunda-feira (03) se encaminha para possivelmente ser o último. É que…