A Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados de Polícia Civil (Adepdel) divulgou nota na noite desta segunda-feira (09) sobre a reunião com o secretário de Segurança, Gustavo Gominho. Confira: 

Na reunião realizada na sede da SEDS, hoje dia 09/03/09, foi colocado pelos secretarios o que se segue:

– Que tendo em vista a queda da receita e a despesa realizada pelo governo Cássio haviam impossibilitado, no momento qualquer contra-proposta.

– Que o governo Maranhão quer resolver o impasse, mas necessita desse prazo para poder avaliar a conjectura econômica e sentar novamente com a categoria, em 20 de maio de 2009.

Foram contestados pela ADEPDEL, a queda de arrecadação, inclusive o Secretario de Administração mudou o argumento e incluiu agora o excesso de gastos do governo anterior.

A Adepdel, estará agendando o auditório da OAB/CG para que possamos realizar uma assembléia para discutir acerca da pauta da reunião de hoje bem como dos rumos do movimento paredista.

PB AGORA

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

RC orienta STF a ficar alerta às posturas anticivilizadoras de Bolsonaro

Uma reportagem do portal UOL, desta sexta-feira (16), trouxe uma entrevista do ex-governador da Paraíba e atual presidente da Fundação João Mangabeira, Ricardo Coutinho (PSB) em que o socialista faz…

Políticos do Cariri confirmam participação no SOS Transposição

Prefeitos e vereadores de diversos municípios do Cariri confirmaram presença no ato SOS Transposição, que será realizado no domingo (1º de setembro), em Monteiro. Inaugurada em março de 2017, a…