Por pbagora.com.br

O Conselho Regional de Educação Física da 10ª Região – Paraíba (CREF10/PB) divulgou, nessa sexta-feira (19), o balanço das fiscalizações realizadas entre os dias 08 e 12/02 em nove municípios, sendo a maioria no sertão do estado. Em ações feitas pelo Departamento de Orientação e Fiscalização do CREF10/PB, foram notificados cinco profissionais (Pessoas Físicas) e 14 estabelecimentos (Pessoas Jurídicas) por apresentarem irregularidades.

Entre os casos mais frequentes, estão: Pessoa Jurídica (PJ) sem registro junto ao Conselho, PJ sem a presença de um profissional de Educação Física durante o horário de funcionamento e PJ com estagiário em situação irregular. Em relação aos profissionais (PFs), os maiores problemas foram referentes à atuação sem registro.

A equipe do CREF10 esteve nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Itaporanga, Uiraúna, Conceição, São José de Piranhas, Santa Luzia, São João do Rio do Peixe e Cajazeiras, sendo essa última a que conteve mais casos irregulares, envolvendo dois estagiários, dois profissionais e quatro PJs.

Em Itaporanga, houve quatro notificações (01 para PF e 03 para PJs); em Conceição, foram três (02 para PJ e 01 para PF); em São João do Rio do Peixe foram duas (01 de PJ e 01 de PF); em São José de Piranhas, houve duas autuações (todas para PJ); em Uiraúna, ocorreu uma para PJ e da mesma forma foi em Santa Luzia. Nas demais cidades, nesta ação, não ocorreram notificações.

Caso não haja manifestação dos notificados em até 15 dias, a contar da data da notificação, ela pode se converter em multa ou ação civil.

PB Agora

Notícias relacionadas

Mega-Sena pode pagar R$ 50 milhões neste sábado

O concurso 2.348 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 50 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h deste sábado (27) no Espaço Loterias…

Cícero avisa que quem não concordar com decreto deve procurar justiça

“O decreto deve ser cumprindo. Quem achar que não, procure a justiça”. A declaração foi dada nesta sexta-feira (26) pelo prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (PP), ao rebater as…