Cerca de 30 pessoas ficaram feridas nesta sexta-feira (20), depois que um avião da Northwest Airlines enfrentou forte turbulência ao sobrevoar o Japão, pouco antes de aterrissar no aeroporto de Narita. Segundo os bombeiros, citados pela agência de notícias Kyodo, duas pessoas estariam em estado grave.

 

A aterrissagem do 747-400, procedente de Manila, aconteceu às 12h19 (0h19 de Brasília), segundo o Ministério de Infraestrutura, Transporte e Turismo do Japão. Dezenas de passageiros foram retirados de maca da aeronave.

 

O voo, que levava 408 passageiros e 14 tripulantes, enfrentou turbulência enquanto esperava autorização para pousar em Narita.

 

Uma passageira americana, de 55 anos, disse à agência de notícias que escutou gritos quando a turbulência começou. Ela explicou que a aeronave perdeu altitude bruscamente, jogando as pessoas que estavam sem cinto de segurança contra o teto do avião. De acordo com a mulher, houve pânico a bordo.

 

Segundo a companhia aérea norte-americana, o sinal luminoso que pede que os passageiros coloquem o cinto de segurança estava aceso no momento da instabilidade do avião.

 

G1

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

OMS eleva a avaliação de risco internacional do coronavírus

Com a reavaliação, risco internacional do coronavírus no mundo passa de moderado a ‘elevado’. Organização assume ‘erro de formulação’. A Organização Mundial da Saúde (OMS) passou a classificar como “elevado”…