O número de famílias ameaçadas de perder suas casas nos Estados Unidos cresceu 30% em fevereiro, na comparação com o mesmo mês do ano passado, segundo pesquisa da consultoria RealtyTrec. Segundo o levantamento, 290.631 pedidos de execução de hipotecas (retomada das casas pelos bancos e financiadoras) foram registrados no último mês – um para cada 440 residências do país.

"A alta é surpreendente, já que muitos dos esforços para prevenir as execuções de hipotecas que estavam em vigor em janeiro foram estendidas até fevereiro", afirmou James Saccacio, presidente da consultoria.

Antes concentrados em estados do oeste dos Estados Unidos e na Flórida, os pedidos de execução têm se espalhado por estados como Idaho, Illinois e Oregon, acompanhando o declínio da economia.

O problema é pior no estado de Nevada, onde 15.783 residências – ou uma em cada 70 – recebeu um pedido de execução de hipoteca no mês passado, uma alta de 156% frente a fevereiro de 2008. Em Las Vegas, a proporção sobe para 1 em cada 60 residências.

G1

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário