O "sim" no referendo para a reeleição na Venezuela registra uma vantagem "irreversível", segundo pesquisas de boca-de-urna citadas pelo ministro das Finanças e diretor do Partido Socialista Unido de Venezuela (PSUV, no poder), Alí Rodríguez.

"Hoje certamente é um dia de celebração", afirmou Rodríguez em coletiva de imprensa do PSUV – partido do presidente Hugo Chávez -, antes do fechamento das mesas de votação, estipulado para as 22h30 GMT.

"Pelo que dizem todas as pesquisas de boca-de-urna, a tendência é irreversível e a resposta que o povo deu é irreversível", afirmou Rodríguez, que pediu que a oposição não dê início a atos de violência e reconheça os resultados.


JB Online

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mãe vai pro hospital achando ter pedra nos rins e dá à luz 3 bebês

Uma mãe teve o susto de sua vida ao chegar no hospital com pedras nos rins e acabar dando à luz bebês trigêmeos Uma mãe teve o susto de sua…