A mãe que deu a luz oito crianças no dia 26 de janeiro, nos Estados Unidos, falou pela primeira vez com a imprensa americana nesta sexta-feira (6) e disse à rede NBC que "sempre quis ter uma família grande para compensar sua infância solitária". Nadya Suleman, de 33 anos, já tinha seis filhos antes do parto dos óctuplos.

 

Nadya descreveu sua infância como ‘problemática’ e contou que se sentia impotente, sem controle de seu meio. Na entrevista, ela também comentou que sofreu de depressão em 1999, após se ferir em uma manifestação no hospital onde trabalhava.

 

 

O Conselho Médico da Califórnia confirmou que abriu uma investigação do caso para avaliar se houve ‘violação dos padrões de cuidado’ na fertilização in vitro feita por Nadya. Ela disse na entrevista que antes da fertilização tentou engravidar por muitos anos.

 

 

Segundo o jornal “Los Angeles Times”, ela havia pedido US$ 2 milhões para contar sua história.

 

 

Os seis meninos e as duas meninas nasceram no hospital Kaiser Permanente Bellflower.

 

G1

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário