Por pbagora.com.br

O ex-campeão do UFC (Ultimate Fighting Championship), Tito Ortiz, foi preso nesta segunda-feira (26) pela polícia de Huntington Beach, na Califórnia (EUA), sob a acusação de bater na namorada, Jenna Jameson, durante uma discussão na residência do casal. A história recheou o noticiário dos Estados Unidos não só pela fama de Ortiz no mundo do vale-tudo (chamado de MMA – artes marciais mistas – por lá), mas pela longa carreira de Jenna na indústria pornô.

A polícia foi chamada para controlar um distúrbio na casa do casal pela manhã e Ortiz acabou detido e levado para a cadeia. Segundo o site TMZ, a ex-atriz de filmes adultos possuía “lesões visíveis”. Ela também pediu uma ordem de restrição contra o lutador e deu queixa pela violência doméstica sofrida.

Tito Ortiz foi liberado depois de pagar fiança de US$ 25 mil e declarou à imprensa, emocionado, que a namorada é viciada em Oxycotin, um analgésico de uso controlado. O casal possui dois meninos gêmeos, frutos do relacionamento de quatro anos. As crianças vieram após o auge da carreira de Ortiz no UFC, organização na qual foi campeão dos Meio-Pesados (até 93 kg) entre 2000 e 2003. O lutador ainda faz parte do evento, mas corre o risco de perder o emprego diante do escândalo.

Já Jenna Jameson é uma famosa atriz pornô da década de 90, tendo sido antes disso stripper nos Estados Unidos. Ela fez mais de 120 filmes em 12 anos de carreira.
 

G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.