Rod Blagojevich foi destituído do cargo de governador de Illinois nesta quinta-feira (29) pelo Senado estadual. Ele será substituído por seu vice, Pat Quinn.

 

Blagojevich era acusado de corrupção por tentar vender a vaga de Barack Obama no Senado. Ele chegou a ser detido em 9 de dezembro de 2008, mas se recusou a renunciar.

 

Obama renunciou ao mandato no Senado federal após sua vitória nas eleições presidenciais, em 4 de novembro. Nos Estados Unidos, cabe ao governador do estado indicar o substituto de um parlamentar em caso de renúncia ou perda do cargo até a realização de uma nova eleição.

 

Na votação nesta quinta-feira (29), Blagojevich recebeu 59 votos contra, ou seja, todos os senadores votaram pelo seu impeachment. Este foi ainda o primeiro caso de um governador perder o cargo em 190 anos de história de Illinois.

O governador foi considerado culpado por diversas práticas de tráfico de influências. Além de trocar doações de campanha por favores políticos, teria tentado usar sua autoridade para nomear o sucessor de Obama em troca de um posto no gabinete, de uma embaixada, ou de um cargo muito bem remunerado para ele, ou para sua mulher.

 

Em uma última tentativa de continuar no governo do Estado, Blagojevich se defendeu no Senado de Illinois dizendo não ter feito nada de errado, e que o impeachment seria uma decisão tomada sem provas das acusações contra ele.

 

“Vocês não provaram um crime, e vocês não podem provar porque ele não aconteceu”, disse. “Como você pode tirar um governador do cargo com provas incompletas e insuficientes?”.

G1

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário