COLOMBO – Pelo menos 28 pessoas – 20 soldados e oito civis – morreram nesta segunda-feira em um atentado suicida atribuído a uma mulher-bomba separatista tâmil em um campo de refugiados no norte do Sri Lanka, informou o porta-voz do Exército, Udaya Nanayakkara.

 

Nanayakkara afirmou que a guerrilheira dos Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE) tinha como alvo um campo de refugiados de Visuamadu, uma zona recentemente capturada aos rebeldes pelo Exército.

 

– Vinte soldados, incluindo três mulheres soldados, morreram. Oito civis também morreram e 40 civis ficaram feridos – disse Nanayakkara.

 

JB Online

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

NESTE DOMINGO: Evo Morales renuncia à presidência da Bolívia

Evo Morales renunciou neste domingo (10) ao cargo de presidente da Bolívia, após uma escalada nas tensões no país. Morales havia dito, mais cedo neste domingo, que convocaria novas eleições,…