O banco americano detalhou nesta quinta, em uma conferência com analistas, que, com esse ajuste do quadro de funcionários, e outras medidas prevê reduzir em cerca de US$ 2 bilhões seus custos anuais, dos quais uma grande parte poderia ser alcançada ainda este ano.

 

As medidas incluêm a economia de US$ 1,35 bilhão com os cortes em empregos. Em dezembro, o banco havia anunciado um corte total de 9,2 mil empregos devido à aquisição do WaMu. Os 12 mil cortes incluem outros 2,8 mil até o final da negociação. No final de 2008, o banco tinha um total de 224 mil empregados.

O WaMu protagonizou, em setembro do ano passado, o maior afundamento de uma entidade bancária na história dos EUA, o que levou o governo a assumir o controle da entidade e definir sua venda de urgência ao JPMorgan.

Seis meses antes, a entidade tinha adquirido o banco de investimentos Bear Stearns, diante dos temores do governo de que tivesse que se declarar em quebra, por causa da grave crise que atravessava.

Com a compra do WaMu, o JPMorgan acrescentou 2.207 filiais a sua rede bancária, e com isso têm agora 5.474 escritórios nos EUA, segundo dados divulgados durante a apresentação a analistas.

Cortes

O JPMorgan anunciou na segunda-feira passada um corte de quase 90% do dividendo que tinha previsto dividir entre seus acionistas, em 30 de abril, que será agora de US$ 0,05, em lugar dos US$ 0,38 que tinha planejado.

O Conselho de Administração da entidade adotou essa decisão como "medida de precaução", diante da incerteza gerada pela crise financeira e, por enquanto, prevê manter o dividendo nesse nível.

Com essa iniciativa, poderá manter cerca de US$ 5 bilhões anuais de capital adicional.

A entidade disse, ao anunciar essa decisão, que os resultados financeiros durante o trimestre eram "solidamente rentáveis", inclusive após ter feito contribuições significativas a suas reservas.

 

EFE

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Nos EUA: humorista da PB tem carro arrombado e objetos roubados

O humorista paraibano Rafael Cunha, que está passando uma temporada nos Estados Unidos, teve o carro arrombado enquanto jantava com a família em uma lanchonete. De acordo com as informações,…