Na terceira partida da Taça Rio, o Vasco manteve sua seqüência perfeita e venceu neste domingo, em Saquarema, o duelo contra o Boavista por 1 a 0. Com o resultado, a equipe de Carlos Alberto ganha força para o clássico contra o Flamengo no próximo domingo.

Com mais uma vitória, o Vasco divide a liderança do grupo C na Taça Rio com o Fluminense, que também tem nove pontos. Pelos critérios de desempate, porém, o clube cruzmaltino fica na ponta.

Apesar da boa posse de bola do Boavista, quem criou mais perigo em Saquarema foi o Vasco, que acabou esbarrando nas finalizações ruins do centroavante Élton, herói da vitória sobre o Botafogo no último meio de semana. Em duas oportunidades logo no início da partida, ele parou em Vinícius. Na segunda chance, bateu de dentro da pequena área, mas foi brecado pelo goleiro adversário.

Depois de ser ameaçado, o Boavista ainda criou duas boas chances de gol. Na primeira delas, o volante Amaral alcançou Tony e salvou, de carrinho, a perigosa finalização do adversário. Na outra, Tiago fez importante defesa em cabeçada com endereço certo.

Quando o intervalo se aproximava, aos 40min, o Vasco encontrou o gol. Paulo Sérgio, rei das assistências da equipe, cobrou falta pelo alto e o zagueiro Fernando desviou de cabeça, sem chances para Vinícius.

Após o intervalo, o Boavista voltou melhor, sobretudo pela presença efetiva do atacante Felipe Adão, que ofereceu boa movimentação e levou perigo à meta do goleiro Tiago em três ocasiões.

Controlando a partida, o Vasco intensificou as jogadas em contra-ataque a partir da entrada do atacante Faioli. Na melhor chance, Léo Lima cabeceou com perigo para a meta do goleiro Vinícius, que fez importante defesa.

FICHA TÉCNICA

Boavista 0 x 1 Vasco

Gol
Vasco: Fernando, aos 40min do 1º tempo

 

Ponto Forte do Vasco
Proteção à frente da defesa e velocidade do ataque

Ponto Forte do Boavista
Atuando em casa, manteve boa posse de bola

Ponto Fraco do Vasco
Pouca eficácia nas finalizações

Ponto Fraco do Boavista
Falta de objetividade no ataque

Personagem do jogo
Fernando, que embora não tenha brilhado, anotou o gol da vitória

Esquema Tático Vasco
4-3-1-2
Tiago; Paulo Sérgio, Fernando, Titi e Ramon; Amaral; Mateus (Souza) e Jéferson (Léo Lima); Carlos Alberto; Rodrigo Pimpão (Faioli) e Élton; Técnico: Dorival Júnior

Esquema Tático Boavista
4-2-2-2
Vinícius; Rogério Rios, Santiago, Pessanha e Paulo Rodrigues; Cocito (Bruno Moreno) e Fernando Silva; Mancuso (Leandro) e Têti; Tony e Roberto Santos (Felipe Adão); Técnico: Edinho.

Cartões Amarelos
Vasco: Carlos Alberto e Amaral
Tigres: Paulo Rodrigues, Cocito, Fernando Silva e Têti

Árbitro
Felipe Gomes da Silva

Local
Estádio Eucy R. de Mendonça, em Saquarema (RJ)

Terra

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Alisson, Firmino e Marta são finalistas da Bola de Ouro

A revista France Football divulgou nesta segunda-feira a lista de candidatos ao seu prêmio anual e incluiu três brasileiros entre os candidatos à Bola de Ouro. O goleiro Alisson e o atacante Roberto Firmino, ambos do Liverpool,…

Botafogo vence CSA e Bahia tropeça em casa

Do uniforme ao estilo de jogo, o Botafogo mostrou um novo visual e venceu o CSA por 2 a 1, nesta segunda-feira, no Nilton Santos. No segundo jogo sob o…