Sem nenhuma chance de classificação e com o compromisso de de apenas cumprir o ultimo jogo da tabela do Campeonato Paraibano deste ano, o Nacional deverá entrar em campo neste próximo domingo (12) e enfrentar o Internacional de João Pessoa com uma equipe totalmente diferente, onde a maioria dos seus jogadores serão das categorias de base do próprio time, devido a diretoria do clube ter dispensado 90% do seu elenco, após ter se reunido e ter entrado em acordo com todos os atletas.

Segundo o presidente do clube, José Ivan dos Santos, já deixaram o grupo os seguintes jogadores: Jean Alisson, Marcilio, Ribinha, Eduardos Guarabira, Rafinha, Max, Eduardo Rato, entre outros que já estão liberados para negociar com outras agremiações, permanecendo ainda no clube o goleiro Adson, o volante Alemão e outro dois membros cujos nomes não foram revelados.

Para José Ivan, existem duas vantagens no acordo feito entre a diretoria do clube e os atletas “Todos são conscientes de que não existe mais nenhuma chance de classificação para o Nacional nesta competição e como falta apenas um jogo a ser cumprido, não há mais motivos para permanecermos com o grupo, sendo que desta forma, além de evitarmos mais despesas com o elenco, o pessoal já fica disponível para receber novas propostas de trabalho e ainda vamos dar chances aos nossos novos atletas vindos das categorias do próprio clube”, disse Ivan.

Já na opinião do treinador José Campina, a diretoria agiu corretamente. “Já conheço muito bem o trabalho que vem sendo feito com essa garotada, por intermédio do professor Lima, e agora é a hora de todos mostrarem os seus talentos, e quem pensar que o nosso time vai entrar em campo só para cumprir tabela, com certeza vai se enganar, pois quando essa meninada entrar em campo, o adversário que se cuide”, finalizou o treinador.

Entre os atletas relacionados para o jogo de domingo, estão alguns que já atuaram esse ano tais como: o goleiro César, o lateral direito Maicon, o volante Geovane e os atacantes Du e Dudu.

Futebol Sertanejo

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Clubes de futebol do Sertão paraibano adotam medidas drásticas para não fechar as portas

A pandemia de coronavírus e a recomendação do Ministério da Saúde de evitar aglomerações promoveram mudanças no futebol paraibano. Muitos clubes para não fechar as portas adotaram medidas extremas, como…