Rogério Ceni continua em tratamento intenso para tentar voltar ao gol do São Paulo no próximo domingo, contra o Santo André, no Morumbi, pela quarta rodada do Paulistão. O camisa 1 se machucou durante o jogo contra a Portuguesa no último domingo e desfalcou a equipe na vitória sobre o Guarani. O médico do Tricolor, José Sanchez, declarou que é o próprio goleiro quem vai decidir se volta na próxima partida.

 

Sanchez afirmou que será feita uma avaliação final no sábado e caberá ao goleiro a decisão de entrar em campo.

 

– Ele está fazendo tudo que está acostumado. Aquecimento, musculação, só não tem chutado muito. Se Rogério disser que está bem, vamos liberá-lo – explicou o médico do São Paulo.

 

A contratura muscular na coxa direita de Rogério, segundo Sanchez, não é grave.

 

– Se ele tivesse continuado na partida, provavelmente agravaria a situação. Poderia ter rompido algum músculo, mas Rogério é um cara experiente e sabe o que fazer – disse Sanchez.

 

Pelo que conhece do goleiro e do técnico Muricy Ramalho, o médico acredita que Rogério deve começar jogando.

 

– Acho que ele vai estar bem, mas tem que ir para a partida 100%. Não adianta ele começar se ainda estiver com a coxa dolorida – encerrou o médico do Tricolor.

 

Globoesporte.com

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Sampaoli corrige escalação, e Santos vence o Ceará de virada na Vila

O Santos venceu o Ceará por 2 a 1 na noite desta quinta-feira, na Vila Belmiro, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol do Vozão foi marcado por Lima.…