Por pbagora.com.br

Apesar das tentativas por parte da Federação Paraibana de Futebol (FPF) de tentar concluir o Campeonato Paraibano de 2020, ainda este ano, fica cada vez mais distante essa realidade. Pelo menos é o que pensa o presidente do Sousa, Aldeone Abrantes, que afirma que o Clube não tem dinheiro no formato atual das propostas apresentadas para tal conclusão da competição.

“Não existe campeonato com os patrocinadores devendo aos clubes. Além de não ter o dinheiro das rendas, também não tem o dinheiro dos patrocinadores. É feito um planejamento financeiro contando com esta verba, então sem ela, não há como pagar os jogadores e funcionários do clube”, disse Aldeone ao destacar as dificuldades para retorno da competição.

Assim também pensa o presidente da Comissão Estadual de Prevenção e Combate a Violência nos Estádios da Paraíba, procurador de justiça, Valberto Lira, colocou um “balde de água fria” nas pretensões de dirigentes, jogadores e torcedores para o retorno do Campeonato Paraibano em breve. Para ele, isto não se pode cogitar no momento, nem mesmo para os treinos. As competições só poderão voltar quando a curva do número de infectados pelo coronavírus descer na Paraíba e com o aval dos órgãos de saúde.

Redação

Deixe seu Comentário