Assim como acontecia com Diego Maradona quando ele era jogador, Lionel Messi será o homem em quem se deve ficar de olho no amistoso entre Argentina e França na quarta-feira, em Marselha.

A animação em reação ao jogo é grande, já que a partida acontecerá no estádio Velodrome, 20 anos depois que Maradona quase trocou o Napoli pelo Olympique Marseille.

O técnico da seleção francesa, Raymond Domenech, que costuma não comentar sobre os oponentes de seu time, elogiou Messi, que fez 16 gols em 19 partidas pelo Barcelona, ajudando seu time a liderar o Campeonato Espanhol.

– Ele tem algo de excepcional. Vimos o que ele é capaz de fazer no Barça, e também com a Argentina. Ele é capaz de definir um jogo. Vamos enfrentar um atleta excelente e veremos se vamos conseguir competir no maior nível – disse Domenech, que está sob pressão após a eliminação da equipe na primeira fase da Eurocopa de 2008.

O técnico francês também se diz um grande fã de Maradona.

– Eu sonhei quando o vi jogar, como todo mundo. E agora eu o enfrento como técnico – disse.

Domenech fez uma adição de última hora à sua defesa, chamando o defensor do Olympique de Lyon Jean-alain Boumsong no domingo. No entanto, se a França for bem sucedida, terá de provar que seu meio-campo e frente são melhores do que os da Argentina.

A forma de Yoann Gourcuff é um bom sinal para a seleção francesa, que também contará com Thierry Henry e Karim Benzema.

Maradona evitou grandes surpresas na convocação para seu segundo jogo como técnico, montando um time quase idêntico ao que usou contra a Escócia, em que a Argentina venceu por 1 a 0.

Juan Roman Riquelme foi deixado de fora, para que pudesse jogar com o Boca Juniors no domingo. Já o meia Juan Sebastian Veron foi descartado porque sofreu uma lesão no músculo da coxa enquanto jogava pelo Estudiantes, no sábado.

Reuters

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Flamengo empata com Del Valle e Bruno Henrique é levado para hospital

O Flamengo está a uma vitória do título da Recopa Sul-Americana. Nesta quarta-feira à noite, em Quito, o campeão da Copa Libertadores empatou com o Independiente Del Valle, por 2…

Botafogo-PB bate o Campinense e se mantém 100% na disputa

O Botafogo-PB venceu o Campinense por 1 a 0 no primeiro Clássico Emoção de 2020. Com gol único marcado aos 14 minutos do primeiro tempo, pelo atacante Lohan, o Belo…