Revelando talentos ano a ano, o departamento das categorias de base do Flamengo tem buscado captar jovens em todo o país. Nos dias 20 e 21 de dezembro, um observador do clube vai até o Estádio Romerão, em Campina Grande, no interior da Paraíba, para realizar seletivas com atletas com idades entre 9 e 18 anos. A expectativa do time carioca é observar mais de 300 candidatos. Os aprovados na seletivas vão passar por um período de avaliação no Ninho do Urubu, no Rio de Janeiro, e podem ser contratados junto ao Rubro-Negro.

A peneira está sendo organizada em parceria com a Queimadense, time do estado. Os interessados podem fazer sua inscrição por telefone, através do número (83) 99954-4689. O observador responsável será Silvio Eduardo, que coordena seletivas do Flamengo em toda a região do Nordeste.

“A gente nunca sabe quantos serão selecionados, mas as expectativas são boas. Estamos indo para uma região onde tem muitos garotos bons, mas que não têm oportunidade”, afirmou o observador rubro-negro.

Diante da expectativa de mais de 300 participantes na seletiva, os testes poderão ser divididos em dois turnos. No horário da manhã, entre 8h e 12h, vão a campo os garotos de menor faixa etária. Já à tarde, a partir das 13h, vão os mais velhos. Todos os atletas devem levar sua documentação e material de jogo.

A novidade é que, além dos testes físicos e técnicos, o Flamengo agora também vai avaliar os jovens pelo seu perfil extracampo. Um critério que tem sido muito mais observado nos últimos anos.

“Todo bom jogador interessa ao Flamengo. Porém, ele tem que ter uma peculiaridade física, um bom biotipo. São vários fatores que contam. O extracampo também conta muito. A gente faz um relatório com todas informações. A mentalidade do Flamengo hoje é esta: ter bons jogadores que possam servir ao clube e que futuramente possam ser negociados”, disse Silvio Eduardo.

Globo Esporte

Deixe seu Comentário