Treinador bicampeão paraibano e vice campeão do Nordeste pelo Campinense, Francisco Diá pode continuar a frente da comissão técnica da Raposa nas disputas da Série D do Brasileiro.

O treinador que havia condicionado a permanência no rubro-negro a conquista do título estadual, voltou atrás, e disse que vai esperar uma conversa com a diretoria para definir o seu futuro. A tendência é que Diá permaneça na Raposa.

– Eu tinha dito que não ficaria no Campinense se não conseguisse o título, mas conversei com alguns dirigentes agora há pouco e durante a semana vamos nos reunir novamente para conversar. O Campinense tem a pré-Copa do Nordeste, tem a Série D do Campeonato Brasileiro e precisa de uma organização rápida para a sequência da temporada – comentou o, ainda, treinador raposeiro.

 

Vice campeão paraibano após perder a decisão por 2 x 0 para o Botafogo (PB), o Campinense teve que conviver com uma série de problemas políticos, desde o afastamento pela justiça do ex-presidente William Simões, investigado pela Operação Cartola, e depois uma sequência de instabilidades, que acabaram refletindo no departamento de futebol.

Durante a competição, foram vários casos de contusão com atletas e também problemas com atraso no pagamento dos salários dos jogadores, da comissão técnica e até dos funcionários do Estádio Renatão. Apesar de todos esses percalços, a Raposa chegou ao vice-campeonato estadual e, com isso, assegurou uma vaga na fase preliminar da Copa do Nordeste, na Copa do Brasil e, no mínimo, na Série D do Campeonato Brasileiro no próximo ano.

 

PB Agora

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Atlético-MG vence, mas é eliminado da Copa Sul-Americana

O Atlético-MG venceu o Unión Santa Fé por 2 a 0 nesta quinta-feira, mas não foi suficiente para avançar na Copa Sul-Americana. Depois de perder por 3 a 0 no jogo de ida,…

Filhos de Hulk passam a jogar na categoria de base do Palmeiras

O Palmeiras tem dito que a contratação é muito complicada, diante dos salários pagos pelo Shangai SIPG, da China, mas está cada vez mais próximo de Hulk. E tem aproveitado…