O Corinthians criou um caminhão de chances contra o Noroeste, mas garantiu a vitória com dois gols. Bateu o adversário por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, no Prudentão, pela décima rodada do Paulistão (assista ao segundo gol). O Timão sentiu justamente a falta de um centroavante para concluir com precisão as várias oportunidades que criou. Mas tinha um camisa 9 de olho em tudo: Ronaldo acompanhou a partida ao lado de Chicão e Alessandro, em um dos camarotes do estádio, em Presidente Prudente.

 Com o resultado, o Timão tem 24 pontos e chegou a assumir a liderança provisória, mas voltou a ficar em segundo com a vitória do Palmeiras sobre o São Caetano. O Norusca está com apenas três pontos, na última colocação. Na próxima rodada, o Corinthians encara o Marília fora de casa, no domingo, e o Noroeste recebe o Santo André no sábado.

 Fenômeno na torcida

 Sob o olhares de Ronaldo, o Timão entrou em campo sem Souza, machucado. Dentinho foi o escolhido para fazer dupla com Jorge Henrique. Mas o time sentia a falta de um centroavante. Criava boas oportunidades, mas não era eficiente na conclusão.

 Aos oito minutos, Elias invadiu a área, mas adiantou demais a bola. Aos 16, foi a vez de Vizzotto defender o chute de Douglas. O Noroeste, que jogava bem fechado, protagonizou um lance duvidoso aos 21. Marcinho pegou um rebote de Felipe e fez o gol. Mas o bandeirinha anulou o lance, apontando impedimento (assista ao vídeo). Três minutos depois, Jorge Henrique caiu na área pedindo pênalti, mas o árbitro não deu conversa para o jogador do Timão.

 Apesar do susto que o Noroeste pregou, o Corinthians seguia criando muito e perdendo chances. Aos 25, após cruzamento de Elias, Dentinho carimbou a trave esquerda de Vizzotto. Dez minutos depois, Elias cruzou novamente, e a cabeçada de Jorge Henrique passou pertinho do travessão. Dentinho ainda teve mais uma chance no primeiro tempo, mas a bola ficou nas mãos de Vizzotto. Mesmo com todas as tentativas, o Timão foi para o intervalo sem marcar os gols que queria.

 Gol e mais chances desperdiçadas

 No segundo tempo a história parecia diferente. Tanto que logo aos dois minutos o Corinthians abriu o placar. Após cruzamento de Fabinho pela direita, Douglas, de cabeça, acertou a pontaria e balançou a rede de Vizzotto: 1 a 0 para o Timão (assista ao vídeo).

 Mas as chances desperdiçadas continuaram após o gol. Aos dez minutos, Douglas chutou por cima do gol. Aos 14, mais uma carimbada, desta vez de Jorge Henrique, que chutou no travessão de Vizzotto. O goleiro do Norusca trabalhou bastante no segundo tempo. O time cansou e já não marcava com tanta força. Os contra-ataques ficavam cada vez mais escassos. A melhor chance aconteceu aos 29, quando Marcelinho chutou rasteiro e a bola passou rente à trave de Felipe.

 O Noroeste foi perdendo cada vez mais força. E o Timão seguia criando, mas sem tanto entusiasmo. Precisava de um novo gás. Mano Menezes decidiu escalar Morais. E escolheu bem. Aos 41, o meia carregou a bola por quase todo o campo e passou com qualidade para Otacílio Neto, sozinho, colocar para dentro do gol de Vizzotto. O autor do gol também havia entrado na segunda etapa. Ronaldo não chegou a ver o segundo gol do Timão, pois um minuto antes já havia deixado o camarote para esperar o time no vestiário.

 

G1

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Presidente da FPF reúne presidentes de Treze e Bota-PB antes do clássico

Diante da importância do Clássico Tradição marcado para este sábado às 17h no estádio O Amigão, em Campina Grande a presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Michelle Ramalho, se…

PM define esquema de segurança com 350 homens para Clássico Tradição

A Polícia Militar definiu o esquema de segurança com 350 homens para Clássico Tradição, marcado para este sábado (24) às 17h em Campina Grande. O jogo, válido pela última rodada…