Campinense e Treze fazem neste domingo, dia 1º, às 16 horas, o primeiro Clássico dos Maiorais da Serra da Borborema, no estádio Amigão, pela quinta rodada do primeiro turno do Campeonato Paraibano de 2009.

Desta vez, a Raposa está em melhor situação que o Galo da Borborema, já que ocupa a segunda colocação, com sete pontos ganhos, enquanto o rival está na quinta posição, com seis pontos.

Após derrotar de virada o Esporte de Patos (3 a 2) no meio da semana, o rubronegro serrano terá algumas novidades para encarar o rival. Retornam a equipe o atacante Marquinhos Marabá, que foi liberado pelo departamento médico e o volante Glauber Gomes, que cumpriu suspensão automática. Na opinião do treinador Freitas Nascimento, todo clássico se torna envolvente e muito disputado pelas duas equipes, principalmente pela rivalidade existente entre as torcidas.
Apesar da derrota do adversário para o Internacional de João Pessoa (2 a 0), o comandante raposeiro pede muita atenção e determinação dos jogadores para evitar surpresas negativas.

"Temos que nos prevenir contra as surpresas negativas, principalmente no clássico paraibano. Iremos fazer a nossa parte e tentar a liderança do turno", frisou. Dentro de campo, o artilheiro Fábio Junior promete muita disposição para balançar as redes do adversário.

"Todo clássico é importante para o jogador, que busca fazer o melhor e sair de campo com uma vitória, principalmente em cima do Treze. De minha parte estou super motivado e disposto a colaborar com a vitória do Campinense", avaliou o artilheiro.

Já o alvinegro serrano que dar a volta por cima e conseguir a reabilitação contra o rival. Após a péssima atuação na derrota para o Internacional a ordem no Presidente Vargas é apagar a má impressão, vencer o clássico e voltar ao G4. A grande novidade do Galo da Borborema é a estréia do atacante Nonato, que pode formar o ataque ao lado de Cléo Paranaense, que foi liberado pelo departamento médico.

Confiante que o time possa realizar uma melhor apresentação, o treinador Quintino Barbosa alertou ao grupo a necessidade de vencer a Raposa para dar uma maior motivação e encarar o Botafogo no dia 8 deste mês, no Amigão. "Vamos nos recuperar do insucesso do último jogo e buscar a vitória no clássico. Um resultado positivo dará um melhor astral ao grupo", disse.
 

 

O Norte

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Botafogo (PB) estreia neste sábado na Copa do Nordeste contra América de Natal sonhando com título regional

Após estrear com vitória no Campeonato Paraibano por 2 x 0 diante do São Paulo Crystal, o Botafogo (PB), volta agora as atenções para a Copa do Nordeste. Atual vice…

Inter supera Grêmio nos pênaltis e conquista Copa São Paulo de Futebol Júnior 2020

O Internacional é o campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2020. Na decisão envolvendo o clássico diante do Grêmio, o Inter ficou com a quinta conquista de sua…