A Paraíba o tempo todo  |

Campinense bate CRB no Rei Pelé

 Raça, superação e marcação forte. Jogando em pleno estádio Rei Pelé, em Maceió -AL, o Campinense voltou a fazer bonito na Copa do Nordeste, e bateu o CRB de Alagoas pelo placar de 2 x 1. Panda e Andrezinho marcaram os gols da vitória da Raposa, enquanto que Carlão descontou para o Galo alagoano. Com o resultado o rubro-negro chegou aos 10 pontos no Grupo D da Copa do Nordeste e deu largo passo para conquistar a classificação antecipada para a próxima fase da competição.

Foi a terceira vitória seguida da Raposa na competição, segunda diante do time alagoano. O Campinense ainda teve o lateral-direito Thiago Granja expulso na segunda etapa.

Como já era esperado os primeiros cinco minutos de jogo foram muito truncados e dois jogadores do Campinense (Bismarck e Jéferson Maranhense) saíram para receber assistência médica. Aos 9 minutos, a primeira chance da partida foi da Raposa. O jogador Bismarck levantou na área, Jéferson Maranhense cabeceou e Tiago espalmou para escanteio.
Jogando em casa com o apoio da torcida, o CRB reagiu aos 12 minutos com um bom chute de Schwenck, a bola passou muito perto do gol de Pantera. A primeira grande oportunidade da partida ocorreu aos 19 minutos. Shwenck fez boa jogada e cruzou para Carlão, que disputou a bola com o zagueiro do Campinense e bateu no gol, Pantera já estava vencido, mas o zagueiro Roberto Dias estava atento e tirou em cima da linha.

O primeiro tempo terminou sendo bastante disputado pelas duas equipes e teve poucas faltas.
Para o segundo tempo, o treinador Oliveira Canindé resolveu mexer no Campinense: Jéferson Maranhense saiu e Andrezinho entrou para o seu lugar. O treinador Heriberto da Cunha não alterou a equipe do CRB, mas avisou que o atacante Schwenck só atuaria por mais 15 ou 20 minutos

O Galo começou o segundo tempo com tudo e partiu para cima do adversário. Logo aos dois minutos, o lateral Edu Silva conduziu a bola e passou para Jairo, mas o meia regatiano perdeu a bola. Jogando com menos pressão, o Campinense aproveitava os contra-ataques que a defesa do CRB proporcionava.

Aos 9 minutos, Audálio tentou proteger a bola para o goleiro Tiago, os dois bateram cabeça e o lateral do Campinense, Panda, aproveitou a falha e abriu o placar do jogo calando a torcida do CBR em pleno Rei Pelé. Após o gol o Campinense cresceu na partida e voltou a balançar as redes 16 minutos, com Andrezinho. O jogador aproveitou o cruzamento, chutou a queima-roupa, goleiro Tiago defendeu e deu rebote, como a zaga do CRB não cortou, Andrezinho, novamente, mandou a bola para o fundo das redes.

Atrás do placar, o CBR partiu para o tudo ou nada. Aos 25 minutos, Liliu chutou e Pantera defendeu, depois, o atacante Carlão bateu sem chances para o goleiro Pantera. Quatro minutos mais tarde, o meia Bismarck, grande destaque da Raposa, chegou com perigo, mas a defesa do CRB mandou a bola para escanteio.

Os dois times criaram várias oportunidades mas no final, o rubro-negro conseguiu superar a presssão dos alagoanos e conquistar mais uma vitória, isolando-se na liderança do Grupo D da Copa do Nordeste.

Na próxima rodada o Campinense encara o Santa Cruz neste sábado (02), às 16h (horádio de Pernambuco), no Recife, enquanto que o CRB vai enfrentar o Feirense neste domingo (03), às 16h (horário da Bahia), no Estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana.

Severino Lopes

PBAgora

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe