Baseado em um dossiê idealizado pelo Santos, o Palmeiras e mais quatro equipes vão pleitear na CBF a unificação dos títulos nacionais anteriores a 1971, ano de início do Brasileiro.

Os times querem incluir na relação de campeões da CBF os ganhadores da Taça Brasil, disputada de 1959 a 1968, mais os quatro vencedores do Torneio Roberto Gomes Pedrosa, jogado de 1967 a 1970.

Bahia, Botafogo, Cruzeiro e Fluminense ampliariam em um título sua lista. Seriam bicampeões. Mas são os dois paulistas quem mais lucrariam com a mudança.

O Santos passaria de bi a octocampeão nacional. O Palmeiras teria mais quatro conquistas na sua galeria, pulando de tetra a octo.

"O Santos me procurou. Nós dois teríamos o maior número de títulos, e convidamos os outros clubes", falou o presidente palmeirense, Luiz Gonzaga Belluzzo.

De acordo com o mandatário do clube alviverde, o dossiê será levado à CBF. Um dos argumentos a ser apresentado, segundo Belluzzo, é o fato de essas equipes terem sido consideradas campeãs brasileiras na época, tendo algumas delas, inclusive, se classificado à Taça Libertadores do ano seguinte.

Por enquanto, a CBF não vai se manifestar a respeito. A assessoria da entidade disse que o presidente, Ricardo Teixeira, ainda não foi procurado por nenhum clube, e que a CBF só falaria quando o assunto fosse oficializado.

Hoje, o Palmeiras promoverá em sua sede um evento com a participação de representantes dos seis clubes.

Procurados pela reportagem, ontem, tanto o gerente de futebol do clube, Toninho Cecílio, quanto o gerente administrativo, Sérgio do Prado, mostraram-se desinformados a respeito do assunto.

O Palmeiras já tentou, anteriormente, reconhecer junto à Fifa o título da Copa Rio de 1951, tida como o mundial interclubes da época, e fracassou.

Folha Online

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Esporte Espetacular: dirigentes da FPF se beneficiaram de auxílio emergencial

A Federação Paraibana de Futebol voltou a ganhar espaço no noticiário nacional, mais uma vez envolvida em escândalos. Neste domingo (05), o programa Esporte Espetacular, da Rede Globo, traz a…