A Paraíba o tempo todo  |

Atlético de Cajazeiras vira, goleia, e deixa a Perilima na lanterna do Paraibano

Na tarde deste sábado (15), Perilima e Atlético de Cajazeiras se enfrentaram no estádio Amigão, em Campina Grande, pela quinta rodada do Campeonato Paraibano de 2021, buscando um respiro na briga contra o rebaixamento. Em uma reviravolta épica, o Trovão saiu atrás no placar logo após ter um jogador expulso, mas conseguiu a virada e goleou por 4 a 1, conquistando sua primeira vitória na competição.

A garotada da Águia criou a primeira boa oportunidade aos 16 minutos. Dênis recebeu na direita, invadiu a área em diagonal e se precipitou a chutar direto a gol ao invés de buscar um companheiro melhor colocado. A bola acabou saindo a direita da meta cajazeirense.

O Trovão respondeu aos 20 minutos. Após bate-rebate depois de cobrança de falta pela direita, a zaga da Perilima afastou mal e a bola bateu em Guerreiro, saindo pela linha de fundo após tirar tinta da trave de Isaías.

A equipe sertaneja se assanhou no jogo e, aos 25 minutos, Guerreiro arriscou da intermediária e a bola passou a direita do poste.

Aos 35 minutos, um lance crucial na partida. A defesa atleticana saiu mal e a bola sobrou para Fábio Lima, que ia ficar frente a frente com Geison, mas Egon acabou puxando o atacante e fez a falta. O árbitro Wagner Reway não pensou duas vezes e deu cartão vermelho direto, deixando o Atlético de Cajazeira com um jogador a menos. Para reorganizar a defesa, Luã Cleyton entrou na vaga de Wellington Saci.

Em outra cobrança de falta, já aos 41, do lado direito da entrada da área, Fábio Lima bateu com categoria, por cima da barreira, no canto esquerdo de Geison, que se esticou, mas não conseguiu evitar o gol da Perilima.

Segundo tempo

Mesmo com um jogador a menos, no início da segunda etapa o Trovão Azul empatou. Diego Higino recebeu na entrada da área e, de cavadinha, deixou França na cara de Isaías para usar toda sua experiência, esperar o goleiro sair para tocar por baixo e deixar tudo igual.

Buscando a virada e jogando com coragem, o Atlético de Cajazeiras conseguiu um pênalti após  Diego Higino ser derrubado por José Werison dentro da área da Perilima. França foi para a bola aos 18 minutos e mandou no canto direito de Isaías, que caiu para o outro lado, virando o jogo no Amigão.

Uma pane acometeu os jogadores da Perilima e, aos 20 minutos, Chiclete recebeu, invadiu a área e bateu de canhota. A bola passou muito perto da trave direita do arqueiro da Águia de Campina.

Aos 27 minutos, Renatinho cometeu duas faltas em cima de Duílio em menos de um minuto, recebeu dois amarelos e foi expulso de campo. E na cobrança da segunda infração, Renan Henrique esbanjou categoria, mandando no canto esquerdo do gol e marcando um golaço, ampliando a vantagem para a equipe sertaneja.

E a vitória virou goleada aos 38 minutos. Renan Henrique fez jogadaça pela esquerda, invadiu a área e finalizou. A bola resvalou em Isaías, mas sobrou livre, em cima da linha, para Chiclete bater com o gol vazio e marcar o quarto do Trovão.

Com pouca força, a Perilima ainda tentou diminuir o prejuízo aos 41, quando João Vitor cruzou da esquerda e Fábio Lima cabeceou com muito perigo, mas a bola passou a esquerda da meta.

Com a vitória por goleada, o Atlético de Cajazeiras chega a 5 pontos e deixa a lanterna da competição, subindo para a sexta posição. O Trovão volta a campo na quinta-feira (20), quando irá receber o Campinense, no Perpetão. A Perilima segue com dois pontos e cai para a última posição da tabela. O próximo compromisso da Águia de Campina será já na terça-feira (18), com o Treze, no Amigão.

Ficha técnica

Perilima 1 x 4 Atlético de Cajazeiras

Campeonato Paraibano 2021
1ª fase – 5ª rodada
Estádio: Amigão (Campina Grande)

Arbitragem: Wagner Reway; Luís Filipe e Rafael Guedes

Gols: Fábio Lima (P); França (2x), Renan Henrique, Chiclete (A)
Cartões amarelos: Maurício Stronda, Renatinho (P); Guerreiro, Herbert (reserva) (A)
Cartão vermelho: Renan (A)

Perilima: Isaías, Dênis, José Werison (Ewerton), Edu Brito (João Vitor), Dudu Paraíba; Ezequias (Vitinho), Igor Chrystian (Chiquinho), Renatinho, Maurício Stronda (Rogério); Fábio Lima e Peixeiro. Técnico: Dinho Silva.

Atlético de Cajazeiras: Geison, Caio (Alex Ferreira), Rean, Egon, Lau; Edgar, Chiclete, Renan Henrique, Wellington Saci (Luã Cleyton); Guerreiro (Diego Higino) (Duílio) e França (Tchê Tchê). Técnico: Fininho.

Fonte: Equipe @Vozdatorcida

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe