Eduardo Costa está na expectativa de fazer o primeiro jogo com a camisa do São Paulo desde a partida contra o Mogi Mirim, no dia 8 de março, pelo Paulistão . Ele ficou no banco e seria utilizado por alguns minutos pelo técnico Muricy Ramalho, mas o time perdeu e a chance não aconteceu. Depois, ele foi relacionado para o jogo contra o Marília, chegou a aquecer para entrar, e a partida acabou. Contra o Defensor, no Uruguai, pela Libertadores , o volante apenas ficou no banco.

 

Muricy entende a expectativa do atleta e também quer vê-lo em campo, mas procura ter cautela, já que o volante chegou ao clube no início do ano e precisou fazer um tratamento especial por causa de uma tendinite.

 

– Tenho uma vontade muito grande de colocar ele para jogar, mas precisamos de cuidado. A primeira oportunidade que for possível ele entra. Estamos escolhendo um jogo para ele, que está com muita vontade e fez um esforço enorme para entrar em forma. É um bom cara de grupo, e o técnico também fica aflito para colocar o cara – ressaltou Muricy, também ansioso para ver o atleta estrear pelo Tricolor.

globoesporte.com

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário