Por pbagora.com.br

Os professores da rede estadual da Paraíba através do Sindicato dos Trabalhadores da Educação do Estado (Sintep) realizaram uma assembleia nesta terça-feira (24) e decidiram que vão paralisar as atividades por 48 horas, nos próximos dias 30 e 31 de março. 

 

De acordo com o sindicato, os docentes contestam o aumento de 9% anunciado pelo governador Ricardo Coutinho (PSB), que será implantado inicialmente em 4,5%, valendo desde janeiro e mais 4,5% no mês de outubro. Segundo a categoria, o valor concedido fica abaixo do índice do Piso Salarial Nacional, do Governo Federal, de 13,01%.

 

A direção do Sintep-PB revelou que haverá assembleias regionais no próximo dia 30 de março, às 9h, em todo o Estado para decidir sobre o andamento da paralisação.

 

A Secretaria de Educação do Estado ainda não comentou o assunto.

 

Reprodução/Facebook/Sintep-PB

Redação

Notícias relacionadas

Karnal: “Quem considera que melhorar como pessoa é secundário comete um equívoco estratégico gigantesco”

Para almejar realizações pessoais e profissionais é preciso dar um salto de qualidade rumo à ação, que é possível quando o comodismo sai de cena para dar espaço à modificação.…

Aulas da rede estadual começam nesta segunda de forma remota

Em meio a campanha de vacinação e o aumento dos casos de Covid-19, as aulas da rede pública de ensino da Paraíba começam nesta segunda-feira (1º) de forma remota. As…