WASHINGTON – O Senado dos Estados Unidos aprovou a emenda que muda a cláusula protecionista, incluída no plano de recuperação econômica enviado pela Casa Branca ao Congresso.

 

Pela cláusula, somente aço, minério de ferro e manufaturados produzidos nos Estados Unidos poderiam ser usados em projetos contemplados pelo pacote de quase US$ 900 bilhões.

 

A proposta gerou protestos de vários países, incluindo o Brasil. O texto aprovado pelo Senado americano prevê que a cláusula deve contemplar as obrigações dos Estados Unidos em acordos internacionais.

 

O plano de recuperação enviado pelo governo foi aprovado pela Câmara dos Representantes na semana passada e está sendo analisado pelo Senado.

 

JBONLINE

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PB registra melhor resultado na geração de empregos para julho dos últimos 8 anos

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado esta semana pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, mostram que o estado da Paraíba apresentou…