Cidadãos podem participar enviando mensagens e vídeos sobre o que esperam de uma cidade inteligente até o dia 26 de agosto

Cidades inteligentes não são apenas um sonho do futuro. Pelo contrário, com o avanço da tecnologia e os dispositivos conectados, elas estão cada vez mais ativas e influenciando nosso dia a dia. Mas você sabe o que elas realmente são? O que define uma cidade inteligente e a torna diferente de uma cidade comum?

Buscando ouvir a população de Campina Grande sobre o que se espera de uma cidade inteligente, a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação abriu uma consulta pública sobre o tema. Os cidadãos interessados podem participar enviando mensagens e vídeos para o WhatsApp da SCTI (83 98664 1113) ou através do endereço eletrônico bit.ly/ConsultaCidadesInteligentes.

Após a Consulta, o secretário da pasta, Lucas Ribeiro, irá participar de uma oficina de trabalho para a Construção da Carta Brasileira para Cidades Inteligentes, em Brasília, nos dias 27 e 28 de agosto.

“Ouvir a voz da população é uma das características que fazem uma cidade inteligente, por isso estamos fazendo essa consulta pública. A participação de todos é importante no processo”, destaca o secretário.

Carta Brasileira para Cidades Inteligentes

O objetivo do Governo Federal é consolidar uma visão nacional sobre o conceito e elaborar um documento para orientar as políticas públicas, linhas de financiamento e ações estratégicas para cidades inteligentes nas diferentes escalas de governo.

Codecom/PMCG
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário