Um colapso das exportações e a demanda interna e os investimentos em queda livre resultaram na maior contração da história da economia da zona do euro no quarto trimestre de 2008 em relação ao terceiro.

A agência de estatísticas Eurostat informou nesta quinta-feira que o Produto Interno Bruto (PIB) caiu 1,5 por cento no trimestre, confirmando uma leitura preliminar.

Já o dado na comparação com o quarto trimestre de 2007 foi revisado, de recuo preliminar de 1,2 por cento para baixa de 1,3 por cento.

 

 

UOL

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário