A Paraíba o tempo todo  |

Paraíba perdeu mais de 130 postos de trabalho só em fevereiro desse ano

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Os efeitos da pandemia na economia paraibana. Trabalhadores fora do mercado e postos de trabalhos desativados. A Paraíba perdeu 136 postos de trabalho formal em fevereiro de 2021, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Em janeiro deste ano, a Paraíba já havia perdido 174 postos de trabalho formal.
Os dados de fevereiro apontam que, embora tenham sido registradas 12.230 admissões no segundo mês deste ano, também foram contabilizadas 13.366 demissões, o que resulta no saldo negativo. A diferença foi pouca em relação a janeiro, quando  os dados apontavam que, embora tenham sido registrados 11.857 admissões no primeiro mês deste ano, também foram contabilizadas 12.031 demissões, o que resulta no saldo negativo.
Entre os setores, o melhor saldo no mês, de 2.212 novas vagas, foi observado na área de serviços. Já o segmento da indústria geral foi o setor que mais perdeu postos de trabalho, com 3.218 demissões em fevereiro.
Entre os municípios, o maior saldo positivo em fevereiro, de 2.277 vagas, foi registrado em João Pessoa. Campina Grande foi o segundo município com melhor saldo, de 621 vagas. As maiores perdas de postos de trabalho aconteceram em Mamanguape (-1.377) e Caaporã (-1.170).
No acumulado dos últimos 12 meses, o saldo é positivo, com 9.837 novas vagas. O estado registrou, entre março do ano passado e fevereiro de 2021, pelo menos 133.747 contratações e 123.910 demissões. Os números também sofreram alterações em relação aos divulgados em janeiro.
No acumulado dos últimos 12 meses, o saldo de janeiro também foi positivo, com 7.021 novas vagas. O estado registrou, entre fevereiro do ano passado e janeiro de 2021, pelo menos 131.735 contratações e 124.714 demissões.
A Paraíba tem perdido postos de trabalhos devido à pandemia. Somente no primeiro semestre do ano passado, o Estado teve 19.295 vagas de trabalho com carteira assinada fechadas no primeiro semestre de 2020. A perspectiva é que este ano, com as novas medidas do Governo do Estado, e a chegada da vacina, a Paraíba recupere os postos de trabalho e retome o desenvolvimento.
SL
PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe