A Paraíba o tempo todo  |

Novo decreto em Campina Grande flexibiliza regras para shows, restaurantes e jogos de futebol

Com o avanço da vacinação, e a redução dos índices da Covid-19, Prefeitura de Campina Grande publicou um novo decreto com regras para shows, restaurantes e jogos de futebol durante a pandemia,

O novo decreto, assinado pelo prefeito Bruno Cunha Lima (PSD), vale para esse mês de novembro e regulamenta a realização de eventos esportivos, shows; e o funcionamento de bares e restaurantes na cidade. As medidas flexibilizam ainda mais as atividades.

Com as novas diretrizes, os restaurantes e bares, por exemplo, passam a funcionar com até 70% da capacidade. O mesmo percentual vale para museus, teatros, circos, academias e templos religiosos – respeitados os protocolos de segurança e higiene.

Em relação aos estádios de futebol, o decreto estabelece um público máximo de até 50%, não sendo mais obrigatória a apresentação de cartão de vacinação, ou teste da covid-1. Com isso, o público na partida entre Campinense e Aparecidense, válida pela final da Série D do Campeonato Brasileiro, deverá ter um público maior do que os jogos do acesso e da semifinal da competição nacional.

Já com relação a shows, o decreto libera a realização dos eventos com até 50% de público. Para ter acesso aos locais, no entanto, é preciso apresentar cartão de vacinação com as duas doses da vacina contra a covid-19.

Com o novo decreto, fica permitida a utilização dos espaços esportivos, a exemplo de quadras, campos, piscinas, parques aquáticos, escolinhas de esportes e de ballet, centros de esportes coletivos e espaços similares, inclusive em condomínios edilícios, respeitando as normas sanitárias vigentes, ficando proibida a aglomeração de pessoas no local. O atendimento deverá ocorrer com horário marcado, ficando permitido o funcionamento de bares e lanchonetes em seu interior.

As igrejas e instituições religiosas que seguirem as regras sanitárias terão seu funcionamento presencial garantido, limitado ao percentual de 70% de sua capacidade, respeitando um distanciamento mínimo de um metro entre as pessoas.

O uso de máscara segue obrigatório em todos os setores,. assim como, os demais protocolos sanitários.

SL
PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe