Por pbagora.com.br

O pequeno poupador não será prejudicado pelas mudanças na caderneta de poupança que o governo federal está estudando, afirmou, nesta sexta-feira (17), o ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Ele explicou que o cálculo do rendimento da poupança será alterado com a redução dos juros pagos ao aplicador. O objetivo das alterações é adaptar a caderneta ao mercado atual, em que há queda da taxa de juro e dos rendimentos em aplicações.

Segundo o ministro, o governo pretende proteger "os aplicadores de menor renda" e não permitir que haja "um fluxo de grandes investidores saindo de outros ativos para a caderneta de poupança".

Sem crise

Para o ministro, "o fundo do poço já passou" e ele prevê um PIB (Produto Interno Bruto) positivo ainda em 2009.

"Sei que tem muitas previsões de PIB negativo. Eu não acredito nisso. Sinto pujança da economia brasileira, o dinamismo, a vontade", destaca Mantega.
 

UOL

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Concursos oferecem 701 vagas de emprego na Paraíba

Pelo menos 701 vagas são oferecidas em cinco editais de concursos publicados na Paraíba, nesta semana de 17 a 24 de janeiro. Os concursos são oferecidos pela Prefeitura de João…