As instituições financeiras da Ásia perderam quase US$ 9,6 trilhões em 2008 por causa da crise econômica, um número superior ao Produto Interno Bruto (PIB) combinado de todas suas nações exceto o Japão.

 

Desta forma, o continente monopoliza em torno de um quinto das perdas de US$ 50 trilhões registradas no mundo todo, revelou um novo relatório do Banco Asiático de Desenvolvimento divulgado nesta segunda-feira (9).

 

"A Ásia recebeu um maior impacto que outras regiões em vias de desenvolvimento por causa do maior ritmo de expansão de suas instituições financeiras", disse em comunicado o presidente da instituição internacional, o japonês Harukido Kuroda.

 

"Apesar de a crise ter se originado nos Estados Unidos e em alguns países europeus, nenhuma região está isolada de seus efeitos", disse.

 

G1

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Eduardo destaca empreendedorismo com crescimento de pequenos negócios

Dados da Receita Federal divulgados pelo Sebrae Paraíba mostram que o número de pequenos negócios cresceu 25,5% em três anos. Em julho de 2016, o estado contava com 131.762 pequenas…