A Paraíba o tempo todo  |

Governo da PB receberá R$ 500 milhões do BNDES

O governo da Paraíba vai receber R$ 500 milhões em financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para aplicação no Programa Paraíba Sustentável. O anúncio da aprovação do empréstimo foi feito nesta segunda-feira (27).

 

Para o governador Ricardo Coutinho, os recursos ampliarão a competitividade do estado. “Com certeza. O estado da Paraíba passa por uma transição bastante forte que, como toda transição, tem suas contradições e conflitos. Mas tem um diagnóstico muito preciso: o estado precisa melhorar a sua infraestrutura para atrair mais investimentos privados”, disse.

 

A contrapartida do governo da Paraíba será 10% do financiamento, ou o equivalente a R$ 50 milhões. Os recursos do BNDES correspondem a 90% do investimento total do Programa Paraíba Sustentável.

 

A maior dotação, R$ 250 milhões, será destinada à área de infraestrutura viária, para pavimentação e recuperação de estradas. Ricardo Coutinho informou que os recursos diminuirão o número de cidades sem acesso por meio de asfalto. Das 54 cidades consideradas isoladas em todo o estado, cinco já foram incluídas no processo de desenvolvimento local. Em três, que estão na rota de rodovias federais, as obras estão sendo feitas. Outros 12 municípios já se acham também em execução.

 

O governador acredita que somando os recursos do Proinvest (linha de crédito de R$ 20 bilhões do BNDES para os estados), em processo de avaliação no momento, a Paraíba conseguirá a proeza de ter todas as cidades sem asfalto, “que eram 23% dos municípios do estado, realizada até 2014”. A soma dos recursos do BNDES e de investimentos próprios do governo estadual acarretará mais de R$ 900 milhões somente para a infraestrutura viária.

 

Para a saúde, serão direcionados R$ 33 milhões. Coutinho aguarda a liberação de mais R$ 45 milhões do Proinvest para a construção de hospitais e compra de equipamentos. Revelou que de janeiro do ano passado até agora, foram criados 488 leitos em hospitais públicos da Paraíba. A perspectiva é disponibilizar mais 297 leitos até o final do ano, o que representará aumento de 30% do número de leitos em dois anos.

 

Para o setor de saneamento, serão destinados R$ 79 milhões, englobando abastecimento de água e rede de esgoto. Na área habitacional urbana e rural, o programa prevê aplicar R$ 34,6 milhões. Já o setor de segurança receberá R$ 30 milhões para a construção de penitenciárias e delegacias, unidades do Corpo de Bombeiros, aquisição de equipamentos, entre outras aplicações. Está previsto, ainda, o uso de R$ 82,7 milhões em edificações públicas, R$ 5,6 milhões na melhoria da infraestrutura dos distritos industriais do estado e R$ 18,4 milhões na construção de barragens.

 

 

Agência Brasil

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe