Um relatório confidencial de investigação no Reino Unido revela que parte da fraude de US$ 600 milhões na Bolsa de Valores de Londres foi arquitetada em São Paulo.

 

A informação foi publicada pela "Folha de S.Paulo" nesta segunda-feira (assinantes do UOL e da Folha podem ler a reportagem na íntegra).

 

Segundo reportagem do jornal, a gestora de Langbar International Limited teria simulado depósitos de quantias na casa dos milhões e usado documentos "provavelmente falsos" do Banco do Brasil para "para catapultar as ações da empresa no mercado financeiro londrino".

 

UOL

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Concurso públicos oferecem mais de 416 vagas de emprego na Paraíba

Pelo menos 416 vagas são oferecidas em seis editais de concursos e seleções publicados na Paraíba, nesta semana de 26 de janeiro a 2 de fevereiro. Seleção da Prefeitura de…