Um relatório confidencial de investigação no Reino Unido revela que parte da fraude de US$ 600 milhões na Bolsa de Valores de Londres foi arquitetada em São Paulo.

 

A informação foi publicada pela "Folha de S.Paulo" nesta segunda-feira (assinantes do UOL e da Folha podem ler a reportagem na íntegra).

 

Segundo reportagem do jornal, a gestora de Langbar International Limited teria simulado depósitos de quantias na casa dos milhões e usado documentos "provavelmente falsos" do Banco do Brasil para "para catapultar as ações da empresa no mercado financeiro londrino".

 

UOL

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Inflação para família de baixa renda tem alta de 0,54% em novembro

O Indicador Ipea de Inflação por Faixa de Renda apontou alta de 0,54% para as famílias de renda mais baixa, até R$ 1.643,78 por mês, em novembro. Para as famílias…