A taxa de desemprego na zona do euro chegou a 8,2% da população ativa em janeiro. Na União Europeia (UE) como um todo, a taxa ficou em 7,6%. Nos dois casos, o avanço em relação a dezembro foi de 0,1 ponto percentual. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira pela Eurostat, a agência europeia de estatísticas.

 

Nos últimos 12 meses, o desemprego passou de 7,3% para 8,2% nos países da moeda única e de 6,8% para 7,6% no conjunto do bloco. Segundo os cálculos do Eurostat, no final de janeiro havia 18,412 milhões de desocupados na UE, dos quais 13,036 milhões estavam na zona do euro.

Folha Online

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em Campina Grande: preço do panetone pode variar até 258% 

Para contribuir com o poder de compra do campinense, o Procon Municipal realizou nessa quarta-feira, 11, uma pesquisa comparativa de preços dos produtos mais consumidos neste período do ano. Para…