A Paraíba o tempo todo  |

Bovespa se recupera e fecha no maior patamar desde junho de 2008

Ibovespa encerrou o dia em alta de 1,40%, aos 71.784 pontos.
Dados sobre o varejo dos Estados Unidos deram o tom dos negócios.

 

Depois de uma abertura em queda, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) se recuperou ao longo do dia, animada pelos dados positivos do varejo dos Estados Unidos e um alívio momentâneo em relação à crise da Grécia.

No final dos negócios, a alta de 1,40% no Ibovespa levou a bolsa aos 71.784 pontos – o maior patamar desde 2 de junho de 2008, quando fechou em 71.897 pontos.

 

A notícia de que as principais redes varejistas dos EUA subiram 9,1% em março, o maior incremento mensal em pelo menos dez anos e acima da estimativa de analistas, tiveram um impacto imediato sobre as ações de varejistas do país.

Além disso, a tensão com a Grécia, que pressionou os mercados pela manhã, foi esvaziada com a divulgação de que representantes da zona do euro vão discutir ainda nesta quinta-feira as condições para oferecer um empréstimo ao país mergulhado numa grave crise fiscal.
 

G1

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe