Por pbagora.com.br

A noite desta quinta-feira (30) será marcada pelo retorno das atividades culturais do Quinta das Artes. Com uma programação que envolve teatro, apresentações musicais, exposição de quadros e recital de poesias, o evento será aberto às 18h, no plenário do primeiro andar do Fórum Criminal de João Pessoa “Osvaldo Trigueiro Albuquerque Melo” e tem entrada franca.

A peça “As Mulheres de Lourdes”, de autoria da escritora Lourdes Ramalho, será uma das principais atrações. O espetáculo é uma produção da CIA Oxênte de Atividades Culturais, com o apoio da Associação das Esposas dos Magistrados e das Magistradas da Paraíba (Aemp). “É importante ressaltar que o número de cadeiras para a peça será limitado”, disse a secretária do Fórum Criminal, Liana Urquiza de Sá Lubambo.

O Quinta das Artes ainda traz a violinista Juliana Marques, o tecladista e servidor do Fórum Criminal, Tarciso Evangelista e Solon de Lins, que trará um recital poético. O eletricista do Tribunal de Justiça, Mário Salustiano, conhecido cariosamente como “tio”, vai expor suas mais recentes telas.

Segundo o diretor do Fórum Criminal, juiz Tércio Chaves de Moura, o projeto surgiu da necessidade de unir ainda mais os juízes e servidores que trabalham, diariamente, com processos criminais e acabam recebendo uma carga relativa de tensão e estresse. “O Quinta das Artes tem como propósito o relaxamento, a diversão e interatividade cultural”, acrescentou o magistrado.
 

 

TJPB