A Paraíba superou as expectativas de cerca de 29% dos turistas que visitaram o estado, do fim de dezembro até a metade de janeiro deste ano, de acordo com uma pesquisa divulgada pelo Instituto Fecomércio de Pesquisas Econômicas e Sociais da Paraíba (IFEP), nesta quarta-feira (29). O levantamento aponta também que 68,86% dos turistas tiveram as expectativas correspondidas. Esse é o melhor resultado desde 2017.

A 15ª edição da Pesquisa Anual do Desempenho do Turismo na Região Metropolitana de João Pessoa foi realizada no período de 26 de dezembro a 17 de janeiro, sendo levantada uma amostra de 684 turistas, consultados de forma aleatória, em diversos pontos, a exemplo do aeroporto, terminal rodoviário e diversos pontos turísticos.

A pesquisa revelou que a maioria dos turistas entrevistados, 70,18%, já havia visitado o estado anteriormente, o que é um indicativo de satisfação do turista. Segundo os dados, 52,92% dos turistas que visitaram a Paraíba neste verão são do sexo feminino. Do total, a maior parte (45,18%) está casada ou em regime de união estável. Em relação à faixa etária, a maioria tem entre 26 e 35 anos (24,42%).

Pontos mais visitados
As praias paraibanas foram o principal motivo da escolha da Paraíba para fazer o turismo, indicado por 62,77%. Os atrativos naturais são o segundo motivo mais citado, com 21,81%. Também merece destaque a possibilidade de retorno apontada por 97,81% dos turistas, este resultado foi o maior registrado desde o ano de 2015. Quase a totalidade dos visitantes (98,10%) estão dispostos a indicar a região metropolitana de João Pessoa como roteiro turístico.

As praias foram bem visitadas: as de Tambaú (69,29%) e Cabo Branco (60,10%), apareceram no topo por serem praias urbanas de fácil acesso. Em seguida vem Coqueirinho (41,38%), Bessa (39,57%), Manaíra (33,83%), Tambaba (29,89%) e Seixas (22,99%).

O turismo de lazer foi o principal motivo das viagens para a região metropolitana, indicado por 54,97%. Esse número é maior do que o registrado em 2019. Em seguida, aparecem aqueles que vieram visitar seus familiares/amigos (26,46%) e os que vieram a trabalho (5,99%). Dos que vieram pela primeira vez (29,82%), o principal motivo também foi o turismo de lazer citado por 81,86% do total desse grupo.

A pesquisa também aponta os pontos turísticos que mais atraíram os turistas: o Mercado de Artesanato Paraibano (49,79%) foi o que recebeu o maior número de visitas, em seguida vem o Pôr do Sol do Jacaré (45,57%), Feirinha de Tambaú (43,04%), Farol do Cabo Branco (32,49%), o Parque Solon de Lucena (Lagoa) (30,17%) e o Centro Histórico de João Pessoa (25,95%). Merece destaque, também, a frequência dos visitantes em outros pontos turísticos: Hotel Tambaú (23,42%), Piscinas Naturais do Seixas (21,73%) e Areia Vermelha (19,83%).

Segundo o levantamento, as praias, por mais um ano, foram o ponto positivo com mais aprovação, com 38,74% das citações. Em seguida aparece a receptividade do paraibano (16,37%), gastronomia (11,55%), qualidade de vida em João Pessoa (7,16%), Praia de Coqueirinho (6,14%) e o clima (5,99%).

Por outro lado, os turistas destacaram os principais pontos negativos durante sua estada. Entre estes, os principais foram a climatização fraca do salão de embarque do aeroporto Castro Pinto (15,47%) e o atendimento lento e garçons despreparados em alguns bares e restaurantes da RMJP (12,89%).

Redação com G1

Deixe seu Comentário