A Paraíba o tempo todo  |

Morre pianista brasileira que gravou obra de Villa-Lobos

A pianista brasileira Anna Stella Schic, que gravou toda a obra de Heitor Villa-Lobos, morreu na madrugada deste domingo (1º) em Nice, no sudeste da França, aos 83 anos, anunciou sua filha, Sandra Lechartre.
CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A pianista brasileira Anna Stella Schic, que gravou toda a obra de Heitor Villa-Lobos, morreu na madrugada deste domingo (1º) em Nice, no sudeste da França, aos 83 anos, anunciou sua filha, Sandra Lechartre.

 

“Ela vivia na França desde 1971”, disse Lechartre, lembrando que Anna Stella Schic fundou no início dos anos 80 uma faculdade de música em São Bernardo, no estado de São Paulo.

 

Nascida em Campinas, Anna Stella Schic deu seu primeiro recital aos seis anos de idade. Estudou no Brasil com José Kliass, aluno de Martin Kraus, um dos mais famosos discípulos de Liszt, e trabalhou em seguida com a pianista francesa Marguerite Long em Paris.

 

Ela era casada com o compositor francês Michel Philippot, morto em 1996. Segundo sua filha, Anna Stella Schic parou de tocar piano quando seu marido morreu.

Globo.com

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe