O filme “À deriva”, novo longa-metragem do cineasta brasileiro Heitor Dhalia (de “Nina” e “O cheiro do ralo”), foi selecionado na sessão “Un certain regard” (Um certo olhar, na tradução livre), que faz parte da seleção oficial do Festival de Cannes. “À deriva” é protagonizado pelo ator francês Vincent Cassel e conta ainda com Deborah Bloch e a atriz Camille Belle no elenco.
 

No total, 53 filmes de 23 países estão na seleção, 20 deles em competição pela Palma de Ouro, outros 20 na seção “Un certain regard” e os demais fora de competição. O novo trabalho do veterano cineasta francês Alain Resnais, de 86 anos, “Les Herbes folles” foi indicado para a Palma de Ouro de Melhor Filme no Festival de Cannes, na França, e concorre com obras de Ang Lee, Isabel Coixet, Lars von Trier, Pedro Almodóvar e Quentin Tarantino.

Dois diretores espanhóis concorrem na categoria principal: o consagrado Almodóvar, por “Los abrazos rotos”, e a menos conhecida Isabel Coixet, por “Map of the sounds of Tokyo”. Os Estados Unidos vêm representados por “Inglorious basterds”, de Tarantino.

Já Ang Lee apresentará “Taking Woodstock”, uma comédia sobre o famoso festival de música que completa quatro décadas neste ano. E a lista tem ainda “Antichrist”, do dinamarquês Lars von Trier.

Fora de competição, o festival exibirá também o comentado “The imaginarium of Dr.Parnassus”, de Terry Gilliam, último filme com a participação de Heath Ledger, morto em janeiro de 2008. A obra permaneceu inacabada, e o diretor chamou os atores Jude Law, Colin Farrell e Johnny Depp para entrar no projeto.

A 62ª edição do Festival de Cannes será aberta em 13 de maio com a animação “Up” dos estúdios Walt Disney e terminará no dia 24 do mesmo mês com “Coco Chanel & Igor Stravinsky”, de Jan Kounen.
 

G1

Deixe seu Comentário