A Paraíba o tempo todo  |

Festival Internacional de Música de Campina Grande encerra programação em Patos

Os três dias da primeira edição do IV Festival Internacional de Música de Campina Grande na cidade de Patos foram encerrados com chave de ouro na noite desta quinta-feira, dia 04 de julho. A apresentação do quarteto Nó na Madeira, formado por quatro clarinetistas de São Paulo, reuniu um grande público na Igreja de Nossa Senhora da Conceição.

A abertura oficial do Festival aconteceu na última segunda-feira em Campina Grande, no Teatro Municipal Severino Cabral. Em Patos, a abertura aconteceu na última terça-feira, na catedral de Nossa senhora da Guia, com a apresentação do grupo paulistano Quaternaglia. Já na quarta-feira, segunda noite do festival, o público teve a oportunidade de conferir a apresentação do Duo formado pelo Trombonista Jean Márcio da Silva (foto), juntamente com o Pianista Paulo César Vitor (foto), num belíssimo concerto realizado na Igreja de Nossa Senhora de Fátima, localizada no bairro do Belo Horizonte.

Para Romildo de Sousa, secretário executivo de Cultura de Patos, o sentimento é dever cumprido, tendo em vista o sucesso do evento. “Houve uma boa participação de pessoas que prestigiaram o festival, e além disso, houve também o intercâmbio entre os artistas de fora e os artistas locais, onde todos tiveram a oportunidade de dialogar sobre o universo da música. Nossa idéia, assim como a do maestro Valdimir Silva, é tornar este evento itinerante”, conta.

O secretário ainda falou de outros benefícios na área cultural prestes a ser implantados em Patos. “Tendo em vista a implantação do nosso teatro, estamos desde já formando platéia, pois teremos um espaço para abrigar diversas manifestações culturais. Ainda em se tratando da parceria entre Prefeitura de Patos e a UFCG, está em vigor a implantação do Coral Municipal e do curso de extensão de música”, garante.

Segundo Maria Edilene, professora da UFCG (Campus Patos), foi muito gratificante ter conseguido o apoio do município de Patos para trazer uma extensão do festival para Patos. “Estou muito feliz por tudo ter dado certo, espero que nos próximos anos tenhamos mais música aqui na cidade”, disse.

Já a radialista e atriz, Márcia Souto, que prestigiou a apresentação do quarteto Nó na Madeira, a cultura deve ser cada vez mais estimulada na cidade de Patos. “Parabéns ao festival, e que a cultura erudita seja sempre bem vinda aqui”, relata.

A primeira edição do IV Festival Internacional de Música de Campina Grande foi promovido pelas universidades Federal de Campina Grande (UFCG) e Estadual da Paraíba (UEPB), em parceria com a Prefeitura de Patos. Além de divulgar a música clássica e instrumental, este ano o evento ressaltou o centenário do poeta e compositor Vinícius de Moraes e os 150 anos do pianista e também compositor Ernesto Nazareth.

 



Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe