Matilda Ledger, a filha de 3 anos de idade do falecido ator Heath Ledger, será a eventual dona da estatueta do Oscar caso seu pai seja o vencedor do prêmio de melhor ator coadjuvante, no domingo.

 

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas anunciou na quarta-feira que decidiu que, se Ledger receber um raro Oscar póstumo por sua performance como o vilão Coringa em “Batman – O Cavaleiro das Trevas,” Matilda receberá o Oscar quando completar 18 anos de idade.

 

Ledger, que morreu no ano passado, aos 28, por overdose de medicamentos, é visto como provável vencedor do Oscar de ator coadjuvante na cerimônia de entrega dos prêmios da Academia, que acontece em 22 de fevereiro em Hollywood. Ele já recebeu quase todos os outros prêmios em sua categoria na temporada de premiações deste ano.

 

Se ganhar o Oscar também, Ledger será apenas o segundo ator a receber um Oscar póstumo. O primeiro foi Peter Finch, premiado em 1976 por “Rede de Intrigas”.

 

“Já tivemos Oscars entregues diretamente a um menor de idade e Oscars dados postumamente, mas, em geral, há um cônjuge ou filho mais velho, maior de idade”, para aceitar a estatueta, disse o diretor-executivo da Academia, Bruce Davis. “Acho que nunca antes tivemos uma situação como esta.”

 

O noivado de Heath Ledger com a atriz Michelle Williams, mãe de Matilda, terminou antes de sua morte, e ele não tinha sido casado antes. Matilda é jovem demais para assinar o acordo do vencedor, exigido de todos os indicados, pelo qual o receptor da estatueta se compromete a não vendê-la sem antes oferecer devolvê-la à Academia por um dólar.
 

 

UOL

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Música e dança: JP tem programação de domingo eclética e gratuita

A programação do domingo para quem está em João Pessoa promete movimentar a tarde da criançada e também dos pais. Hoje é dia de AnimaCentro, com várias atividades promovidas pela…