O presidente da França, Emmanuel Macron, voltou a prometer nesta terça-feira (16) a reconstrução em até cinco anos da Catedral de Notre-Dame, após o incêndio que a destruiu parcialmente. "Nós vamos reconstruí-la, e vai ser ainda mais bonita", afirmou, em discurso na televisão. O templo é considerado um dos maiores símbolos de Paris, a capital francesa.

Macron também parabenizou os trabalhos das equipes de resgate. "Cada um fez o que pode, cada um em seu lugar, cada um com o seu papel", acrescentou.

É o segundo discurso de Macron desde o incêndio na Notre-Dame. Enquanto as equipes ainda tentavam apagar o fogo, na segunda-feira, o presidente foi até a praça em frente à catedral, e prometeu uma campanha internacional para reconstruir a igreja.

Diferentemente do programado, Macron não anunciou nenhuma medida para apaziguar as tensões levantadas pelos protestos dos coletes amarelos, iniciados no ano passado.

O discurso desta terça-feira, de acordo com a imprensa francesa, serviria para o presidente fazer o balanço após meses de "grande debate nacional" – projeto de diálogo do governo francês para atender algumas das reivindicações dos manifestantes.

Macron não informou uma data de quando voltará a falar sobre as medidas.

G1

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

CARNAVAL: escolas de samba saem à avenida neste domingo em CG

Evento agora será realizado na rua Florentino de Carvalho, Açude Velho Com apoio da Prefeitura de Campina Grande, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, a Associação Campinense das Escolas…

Virgens de Tambaú devem arrastar 500 mil de pessoas neste domingo em JP

Alegria e, principalmente, irreverência. Essas são as marcas do Bloco Virgens de Tambaú, que desfila neste domingo (16) dentro da programação do Folia de Rua. O Bloco espera arrastar uma…